Tipos de impressões

São muitos os tipos de impressões. E é sempre importante saber o tipo adequado de impressão para cada tiragem (alta ou baixa, ou seja, muitas ou poucas unidades), tamanhos, prazos, qualidade, etc.

Saber sobre as formas adequadas de impressão vai fazer com que você ganhe tempo e também com a gráfica que não vai precisar te devolver o arquivo ou cobrar de você pra “refazer” o trabalho. Então, sem mais delongas, vamos aos tipos de impressão:

Impressão Offset

Para altas tiragens. Oferece excelente definição e aceita cores especiais. É o tipo de impressão mais comum na indústria gráfica. Utiliza matriz de chapa de alumínio para reprodução, tintas pastosas à base de óleo, imprime em todos os tipos de substratos e demanda algum tempo de secagem.

Aplicações: Revistas, livros, papelaria em geral, materiais promocionais diversos.

Impressão digital

Baixa tiragem (inclusive uma única cópia). Possui excelente definição e oferece prazos curtos. É um sistema de impressão moderno reproduzido diretamente a partir de um arquivo digital. Utiliza tintas ou tonners, imprime em variados tipos de papeis e proporciona secagem rápida.

Aplicações: Materiais promocionais em geral, impressos personalizados, bonecos (por exemplo: você precisa imprimir 1.000 cardápios/panfletos. Antes de mandar para gráfica, é interessante que você imprima um “boneco” – um exemplar do arquivo).

Plotagem

Para grandes formatos, adesivos para recorte. A plotter é um tipo de impressora digital destinada a grandes formatos e diversos tipos de mídias, como tecidos especiais, lonas, adesivos e plásticos. Também utilizada para recortes de adesivo vinil e até placas de PVC. Utiliza tintas à base de solvente e látex. Algumas mídias exigem maior tempo de secagem.

Aplicações: Banners, faixas, placas, decoração de ambientes, sinalização, adesivos.

Rotogravura

Para altíssimas tiragens (geralmente editoriais e industriais). Tem uma boa definição. Sistema de impressão com alta capacidade de reprodução por matriz. Utiliza tinta líquida a base de água ou solvente. Impressão em papéis e plásticos.

Aplicações: Embalagens, rótulos, revistas editoriais.

Flexografia

Para altas tiragens. Oferece uma definição média. Aceita suportes flexíveis além de papéis. Sistema de impressão especializado em embalagens. Matriz de borracha flexível, tinta fluída a base de água ou solvente. Impressão em plásticos e papéis.

Aplicações: Sacolas plásticas, rótulos, etiquetas, embalagens cartonadas.

Serigrafia ou silkscreen

Geralmente para pequenas e médias tiragens. Oferece grande variedade de suportes e aplicações bem como em superfícies irregulares. Possível aplicação de verniz localizado. Matriz gravada em tela a partir de fotolito. Recebe tintas diversas de acordo com o suporte. Atinge melhores resultados com traços e vetores, porém baixa definição para retículas.

Aplicações: Camisetas, substratos diversos.

Fonte: designculture.com.br